domingo, 26 de julho de 2009

A semana em frases: 26 de julho de 2009


"Não sou pessimista, a realidade é que é péssima"
José Saramago. Escritor, Prêmio Nobel de Literatura, citado por Leonardo Boff.

"Eu não sou um santo, vocês sabem disso"
Silvio Berlusconi. Premiê da Itália, sobre o escândalo sexual em que está envolvido com uma rede de prostitutas.

"Perder para Jessica Becker foi um luxo"
Neymara Carvalho. Tetracampeã mundial de bodyboard, após perder a abertura do circuito estadual.

"O impacto da fama é como o de uma bola de demolição. Todo mundo que passa por isso acha realmente difícil entender"Susan Boyle. Cantora revelada ao participar de um programa de calouros.

"Se você quer que eu saia do palco, não fique arremessando moedas. Por que você não sobe aqui e me faz cair fora?"
Liam Gallagher. Vocalista do Oasis, discutindo com um fã após objetos serem arremessados ao palco enquanto a banda se apresentava em Londres, terça-feira.

"Caetano é bem dotado. O que é bonito tem de ser mostrado"
Paula Lavigne. Ex-mulher do cantor, nu em documentário.

"Eles têm o direito de sentir que isso não é justo"
Angelina Jolie. Atriz, em visita a refugiados no Iraque.

"A maior obra de arte da civilização foi o neurótico. É uma pena que já esteja em fase de extinção"
Ítalo Campos. Psicólogo, em entrevista a uma rádio local.

"Estou orgulhosa do Edson. Ele está uma mulher incrível"
Cláudia Raia. Atriz, sobre o figurino do marido, o ator Edson Celulari, que aparece travestido no musical "HairSpray".

"Não me considero acima da crítica, mas digamos que depois de tanto tempo eu esteja mais ou menos redimida. Resisto há 60 anos"
Fernanda Montenegro. Sobre sua indicação para o Prêmio Shell de melhor atriz.

Rumo a Marte
depois da Lua, a conquista do planeta vermelho

"Este é um pequeno passo para um homem, mas um grande salto para a humanidade"
Neil Armstrong. Após o retorno da Apolo XI à Terra depois da conquista da Lua.

"O maior marco da exploração interplanetária sempre será dos homens da Apolo 11"
Barack Obama. Após receber na Casa Branca os heróis da conquista da Lua, na semana passada.

"Se os líderes políticos do mundo observassem o planeta a uma distância de 160 mil km, suas visões mudariam totalmente"
Michael Collins. Piloto da Apolo 11.

"A Terra deve ser o que parece, azul e branca (...), nem capitalista e nem comunista. Azul e branca, nem rica e nem pobre. Azul e branca, nem invejosa e nem invejada"
Buzz Aldrin . Segundo astronauta a pousar na Lua na histórica viagem de 20 de julho de 1969. Aos 78 anos, ele afirmou quinta-feira que "Marte tem muito mais a oferecer ao homem do que a Lua".

Nenhum comentário: