quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Emoções, por Gustavo Kuerten, ou simplesmente Guga

Vídeo: Discurso de despedida do Guga das quadras

"A cada dia que passa, vejo que o tênis simboliza minha vida. Eu amei este esporte, vivi intensamente os anos em que pude jogar meu melhor, vivi mais intensamente ainda os anos em que tive minhas maiores dificuldades, e hoje saio super feliz e satisfeito, e muito orgulhoso por esse carinho que consegui conquistar."


"Eu aproveito pra agradecer a vocês, e não é que eu não queira jogar mais. Desculpa, mas não consigo mais."


"Aproveito isso para agradecer à minha família, pessoas que foram importantes, minha namorada me apoiou bastante, e também o cara que, para mim, é muito mais gênio do que eu, o Larri, que foi um grande homem na minha vida."

Gustavo Kuerten, ex-número 1 do mundo e tricampeão de Roland Garros ao se despedir do Brasil Open. Falando com dificuldade por causa do choro, Guga fez um discurso emocionado à platéia. Ao acenar para o público antes de se retirar, o tenista foi aplaudido de pé, e novamente foi às lágrimas. Na arquibancada, seu técnico, Larri Passos, também chorou.

Nenhum comentário: